O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

[Grocery&Drinks] Super Apps: aliados ou concorrentes?

59 visualizações

Publicada em

Daniel Nepomuceno, Diretor de E-commerce doTenda Atacado fala de Super Apps: aliados ou concorrentes?

Saiba mais em https://eventos.ecommercebrasil.com.br/congresso-grocery/

Publicada em: Negócios
  • Seja o primeiro a comentar

[Grocery&Drinks] Super Apps: aliados ou concorrentes?

  1. 1. Daniel Nepomuceno Daniel Nepomuceno | Diretor de E-commerce Super Apps: aliados ou concorrentes?
  2. 2. Daniel Nepomuceno Agenda 1- Cenário 2- Por que super apps? 3- E por que não? 4- P&L 5- Competitividade 6- Considerações finais
  3. 3. Daniel Nepomuceno Agenda 1- Cenário 2- Por que super apps? 3- E por que não? 4- P&L 5- Competitividade 6- Considerações finais
  4. 4. Daniel Nepomuceno
  5. 5. Daniel Nepomuceno
  6. 6. Daniel Nepomuceno
  7. 7. Daniel Nepomuceno
  8. 8. Daniel Nepomuceno
  9. 9. Daniel Nepomuceno
  10. 10. Daniel Nepomuceno Fonte: Ebit| Nielsen Webshopppers 41
  11. 11. Daniel Nepomuceno
  12. 12. Daniel Nepomuceno Fonte: Dados Konduto 2020
  13. 13. Daniel Nepomuceno Fonte: Estudo c.Lab tracking covid-19: Impacto no consumo de alimentos 74% dos consumidores esperam receber suas compras no mesmo dia!
  14. 14. Daniel Nepomuceno Market Places Apps Varejistas
  15. 15. Daniel Nepomuceno Agenda 1- Cenário 2- Por que super apps? 3- E por que não? 4- P&L 5- Competitividade 6- Considerações finais
  16. 16. Daniel Nepomuceno Aumento do seu conhecimento de mercado Divulgação de sua marca (chancela de um grande player) Carona no aumento das vendas Ajuda a criar a cultura do “Nicho X On-line” Dilui o risco de investimento em mídia Por que super Apps? Eficiência logística e menor risco de “cortes”
  17. 17. Daniel Nepomuceno Agenda 1- Cenário 2- Por que super apps? 3- E por que não? 4- P&L 5- Competitividade 6- Considerações finais
  18. 18. Daniel Nepomuceno E por que não? Baixa visibilidade de marca Ganha-se mais um “concorrente” Diminuição da sua margem Informação “de graça” Concorrentes “informais” Perda de contato com o cliente final
  19. 19. Daniel Nepomuceno Participar Não participar Competir Entrar e competir por preços Não participar e competir por preços Ignorar Entrar e praticar nossa tabela Não participar e não competir Matriz de decisão
  20. 20. Daniel Nepomuceno Agenda 1- Cenário 2- Por que super apps? 3- E por que não? 4- P&L 5- Competitividade 6- Considerações finais
  21. 21. Daniel Nepomuceno 20% • CMV; 50% Faturamento bruto Impostos Custos variáveis
  22. 22. Daniel Nepomuceno 20% • CMV; 50% Faturamento bruto Impostos Custos variáveis Margem de contribuição 30%
  23. 23. Daniel Nepomuceno 20% • CMV; 50% • Taxas de cartão; 2,0% • Custos de embalagem; 2,0% • Fulfilment; 3,0% • Fretes; 7,0% • Plataforma; 2,0% • Fraudes; 0,5% • Perdas; 1,0% • Análise de risco; 0,5% • Desp. comerciais (mídia) Faturamento bruto Impostos Custos variáveis Margem de contribuição ???
  24. 24. Daniel Nepomuceno 20% • CMV; 50% • Taxas de cartão; 2,0% • Custos de embalagem; 2,0% • Fulfilment; 3,0% • Fretes; 7,0% • Plataforma; 2,0% • Fraudes; 0,5% • Perdas; 1,0% • Análise de risco; 0,5% • Desp. comerciais (mídia) Faturamento bruto Impostos Custos variáveis Margem de contribuição 12%
  25. 25. Daniel Nepomuceno 20% • CMV; 50% • Taxas de cartão; 2,0% • Custos de embalagem; 2,0% • Fulfilment; 3,0% • Fretes; 7,0% • Plataforma; 2,0% • Fraudes; 0,5% • Perdas; 1,0% • Análise de risco; 0,5% • Desp. comerciais (mídia) Faturamento bruto Impostos Custos variáveis
  26. 26. Daniel Nepomuceno 20% • CMV; 50% • Taxas de cartão; 2,0% • Custos de embalagem; 2,0% • Fulfilment; 3,0% • Fretes; 7,0% • Plataforma; 2,0% • Fraudes; 0,5% • Perdas; 1,0% • Análise de risco; 0,5% • Desp. comerciais (mídia) 20% Faturamento bruto Impostos Custos variáveis
  27. 27. Daniel Nepomuceno 20% • CMV; 50% • Taxas de cartão; 2,0% • Custos de embalagem; 2,0% • Fulfilment; 3,0% • Fretes; 7,0% • Plataforma; 2,0% • Fraudes; 0,5% • Perdas; 1,0% • Análise de risco; 0,5% • Desp. comerciais (mídia) 20% Faturamento bruto Impostos Custos variáveis Margem de contribuição -8%
  28. 28. Daniel Nepomuceno A 80% B 20% 1 milhão em faturamento Margem canal A = 12% Margem canal B = -8%
  29. 29. Daniel Nepomuceno A 80% B 20% = 80k ou 8% 1 milhão em faturamento Margem canal A = 12% Margem canal B = -8%
  30. 30. Daniel Nepomuceno 2 milhões em faturamento B 80% A 20% Margem canal A = 12% Margem canal B = -8%
  31. 31. Daniel Nepomuceno 2 milhões em faturamento B 80% A 20% = -80k -4% Margem canal A = 12% Margem canal B = -8%
  32. 32. Daniel Nepomuceno 20% • CMV; 50% • Taxas de cartão; 2,0% • Custos de embalagem; 2,0% • Fulfilment; 3,0% • Fretes; 7,0% • Plataforma; 2,0% • Fraudes; 0,5% • Perdas; 1,0% • Análise de risco; 0,5% • Desp. comerciais (mídia) Faturamento bruto Impostos Custos variáveis Margem de contribuição 12%
  33. 33. Daniel Nepomuceno 20% • CMV; 50% • Taxas de cartão; 2,0% • Custos de embalagem; 2,0% • Fulfilment; 3,0% • Fretes; 7,0% • Plataforma; 2,0% • Fraudes; 0,5% • Perdas; 1,0% • Análise de risco; 0,5% • Desp. comerciais (mídia) Faturamento bruto Impostos Custos variáveis
  34. 34. Daniel Nepomuceno 20% • CMV; 50% • Taxas de cartão; 2,0% • Custos de embalagem; 2,0% • Fulfilment; 3,0% • Fretes; 7,0% • Plataforma; 2,0% • Fraudes; 0,5% • Perdas; 1,0% • Análise de risco; 0,5% • Desp. comerciais (mídia) Faturamento bruto Impostos Custos variáveis Margem de contribuição 15%
  35. 35. Daniel Nepomuceno 20% • CMV; 50% • Taxas de cartão; 2,0% • Custos de embalagem; 2,0% • Fulfilment; 3,0% • Fretes; 7,0% • Plataforma; 2,0% • Fraudes; 0,5% • Perdas; 1,0% • Análise de risco; 0,5% • Desp. comerciais (mídia) 8% Faturamento bruto Impostos Custos variáveis
  36. 36. Daniel Nepomuceno 20% • CMV; 50% • Taxas de cartão; 2,0% • Custos de embalagem; 2,0% • Fulfilment; 3,0% • Fretes; 7,0% • Plataforma; 2,0% • Fraudes; 0,5% • Perdas; 1,0% • Análise de risco; 0,5% • Desp. comerciais (mídia) 8% Faturamento bruto Impostos Custos variáveis Margem de contribuição 7%
  37. 37. Daniel Nepomuceno Delivery Margem bruta 30,0% Taxa de cartão 2,0% Embalagem 2,0% Fulfilment 3,5% Frete 7,0% Plataforma 2,0% Perdas 1,0% Charge back 0,5% Análise de risco 0,5% Mídia ou comissão 7,0% Margem contribuição 4,5% Retira na loja 30,0% 2,0% 2,0% 3,5% 0,0% 2,0% 1,0% 0,5% 0,5% 7,0% 11,5% Super Apps 30,0% 0,0% 2,0% 3,5% 0,0% 0,0% 1,0% 0,0% 0,0% 10,0% 13,5%
  38. 38. Daniel Nepomuceno Agenda 1- Cenário 2- Por que super apps? 3- E por que não? 4- P&L 5- Competitividade 6- Considerações finais
  39. 39. Daniel Nepomuceno Competitividade  Proximidade  Itens perecíveis  Entrega no mesmo dia  Mix regionais
  40. 40. Daniel Nepomuceno Agenda 1- Cenário 2- Por que super apps? 3- E por que não? 4- P&L 5- Competitividade 6- Considerações finais
  41. 41. Daniel Nepomuceno Considerações finais Risco da perda de contato com o cliente final Entrega rápida e no mesmo dia com maior eficiência (menos cortes) Aumento nas vendas online Cria-se dependência e perda de share
  42. 42. Daniel Nepomuceno E de quem é o cliente?
  43. 43. Daniel Nepomuceno Obrigado ;)

×